Ao Vivo
 
 
Siga ao vivo

Notícias

Câmara aprova lei que amplia prazos de benefícios da Lei do audiovisual

Câmara aprova lei que amplia prazos de benefícios da Lei do audiovisual

O plenário da Câmara dos Deputados aprovou o projeto de lei de conversão da Medida Provisória 796/17, que amplia a vigência Regime Especial de Tributação para Desenvolvimento da Atividade de Exibição Cinematográfica (Recine) e dos benefícios da Lei do Audiovisual (8685/93). A medida vale até 31 de dezembro de 2019. O texto segue para votação no Senado.   Segundo o PLC, os games independentes e os clipes de música produzidos serão incluídos entre os potenciais beneficiários dos Fundos de Financiamento da Indústria Cinematográfica Nacional (Funcine). Presidente da comissão que analisou a Medida Provisória 796/17, o deputado Chico D’Angelo (PT-RJ) defendeu a aprovação da proposta que amplia incentivos fiscais para o setor audiovisual.   “A medida melhora a lei do audiovisual em dois pontos centrais: aumenta o teto do financiamento do cinema brasileiro de R$ 3 milhões para R$ 6 milhões e inclui os games – jogos eletrônicos – nos incentivos fiscais”, disse.   Presidente da comissão que analisou a Medida Provisória 796/17, o deputado Chico D’Angelo (PT-RJ) defendeu a aprovação da proposta que amplia incentivos fiscais para o setor audiovisual.   “A medida melhora a lei do audiovisual em dois pontos centrais: aumenta o teto do financiamento do cinema brasileiro de R$ 3 milhões para R$ 6 milhões e inclui os games – jogos eletrônicos – nos incentivos fiscais”, disse.   Os deputados derrubaram emenda de Laudivio Carvalho, que pedia para para priorizar a destinação do investimento do dinheiro do programa Cinema Perto de Você a cidades com até 100 mil habitantes.      Signis Brasil/Telesíntese
Radialistas e Catequista propõe aplicativo como elo entre a população e o poder público, em Caxias do Sul

Radialistas e Catequista propõe aplicativo como elo entre a população e o poder público, em Caxias do Sul

Lançado em 11 de setembro, o aplicativo Acredita Caxias ganhou recentemente o prêmio Projeto Inovador 2017, durante o 5º Congresso Paranaense de Cidades Digitais, na cidade paranaense de São José dos Pinhais.   O Idealizador do projeto e do catequista, jornalista e hoje vereador, Alberto Meneguzzi (PSB), a tecnologia é inovadora e pioneira no município, uma vez que permite aos cidadãos o envio de demandas sobre calçamento, segurança e iluminação públicas, direito do consumidor, dentre outros serviços, a qualquer hora, inclusive aos finais de semana. A distinção será entregue ao parlamentar nos dias 23 e 24 de novembro.   “Sempre temos algum dos membros da nossa equipe de plantão, que recebem as solicitações, já respondem aos usuários, que recebem notificações na tela do celular e fazem contato imediato com os secretários e equipes da prefeitura. Sabemos que a nós não compete a solução dos problemas, mas queremos ser um canal de proximidade com a comunidade de Caxias”, comenta Meneguzzi ao recordar que mais de 75% das solicitações dos usuários já foram atendidas.   A implantação desse software configura a abertura para um mandato digital. “Acredito que esse aplicativo serve como elo entre a população e o poder público, tendo em vista o bem comum. Além disso, nos permite buscar melhorias para a cidade, de acordo com o que a população precisa. São 50 demandas recebidas até então e dessas, 38 já foram totalmente resolvidas ou estão em atendimento pelo Executivo. São mais de 300 downloads, mas outras diversas pessoas que fazem contato para enviar demandas por telefone, e-mail e mesmo pessoalmente”, salienta o parlamentar.     De acordo com Meneguzzi, o procedimento adotado pelo gabinete para a solução das demandas é registrar a demanda via protocolo no Alô Caxias, logo depois proceder com a expedição de indicação, que registra a solicitação no sistema da Câmara e é enviada ao Executivo, além de ofícios com fotos anexadas e outros materiais entregues pessoalmente nas secretarias competentes de cada denúncia. “É uma forma burocrática, mas de formalizar bem os pedidos da população. Aí temos a certeza de que documentos não faltam, para que possamos cobrar efetivamente as soluções”, justifica.   História de Meneguzzi      Catequista, jornalista, relações públicas e, agora, vereador de Caxias do Sul. Há mais de 30 anos exerce a missão de evangelizar jovens por meio da catequese. Como jornalista e relações públicas, atuou em emissoras de rádios de Caxias do Sul, trabalhando como repórter esportivo e apresentador de rádio, mediador de debates, além de coordenou o jornalismo da Fundação Cultural Riograndense, para as emissoras Tua Rádio São Francisco, Rádio Caxias. Participou das transmissões para a Rede Católica de Rádio RCR, durante aa Jornada mundial da Juventude no Rio de janeiro em 2013   Em 2016, pelo Partido Socialista Brasileiro (PSB), concorreu pela primeira vez ao Legislativo caxiense Publicou dois livros a Paixão de Anunciar e Missão de Anunciar, ambos publicados pela Paulinas, em 2008 e 2010. Saiba mais sobre o aplicativo em acredita.caxias.br   TuaRádio